top of page
  • Foto do escritorClare

Tipos de pergolado que ficariam bem na sua casa

Atualizado: 7 de jul. de 2021


Pergolado

A palavra pérgola, sinônimo de pergolado, teve origem na Itália e deriva do latim. Inicialmente, eram usadas de suporte no plantio e cultivo de parreiras de uva. Mas a sua popularização fez com que, atualmente, a sua principal função seja o lazer. A pérgola é uma estrutura fresca e ventilada, que auxilia na proteção solar, por isso é tão agradável reunir os amigos ou ler um bom livro sob a sua proteção.


Qualquer quintal ou varanda pode contar com esse sistema de sombreamento, que além de permitir refugiar-se do sol, também protege da chuva. São estruturas feitas de bambu, ferro, madeira, entre outros, mas principalmente de materiais leves, que além de incrementarem o seu jardim, servem de suporte para várias plantas. Assim, os pergolados, são muito populares, pois além de cumprir com sua função protetora, decoram.


Uma pérgola pode criar espaços chilout ou serem a extensão de uma varanda. Como também, podem ser uma garagem ou servir apenas para delimitar o espaço do jardim, sendo assim, tem uma grande variedades de funções, modelos e materiais. Hoje, vamos apresentar alguns tipos para vocês.


Conforme o material da estrutura:


  • Pergolados de madeira

São uma das opções mais populares, devido ao aconchego oferecido pela madeira, existindo diversos tipos de modelos e estilos para se escolher. Mas é importante lembrar que precisam de manutenção, necessitando ser envernizado para ficar protegido da chuva, umidade, radiação solar e até mesmo de insetos.

Pergolados de madeira
  • Pergolados de alumínio

São uma versão mais moderna e cosmopolita de fácil adaptação. Tem como vantagem a grande resistência ao sol e aos fatores climáticos. Ainda, por serem leves podem ser montados e desmontados com facilidade.

Pergolados de alumínio
  • Pergolados de alvenaria

São, geralmente, de tijolos ou de concreto e fazem parte da estrutura da casa, configurando uma varanda. Por ter uma execução mais trabalhosa, não é muito popular.

Pergolados de alumínio

Conforme o material da cobertura:

  • Pergolados com cobertura de vidro

São os pergolados com cobertura de maior durabilidade. É recomendado utilizar vidro laminado, pois se ocorrer uma quebra, elas ficam presos na película que forma o laminado, sem oferecer riscos. O vidro ao ser colocado de forma adequada garante conforto e isolamento acústico e térmico, podendo escolher um vidro que retenha e filtre os raios ultravioletas do sol.

Pergolados com cobertura de vidro
  • Pergolados com cobertura de lona

São uma opção clássica e com benefícios, pois a lona pode ser móvel, flexível e, facilmente, limpa. No entanto, é uma opção um pouco mais cara. Mas uma boa lona é capaz de bloquear de 90 a 100% os raios UVA.

Pergolados com cobertura de lona
  • Pergolados com cobertura de bambu

São uma opção bem econômica, mas que não tem uma durabilidade muito longa. Além disso, qualquer um pode instalar este tipo de proteção.

Pergolados com cobertura de bambu

Por fim, vale lembrar que existem pergolados "bioclimáticos", que são capazes de regular a temperatura, através da ventilação, e também a intensidade da luz da região que cobrem. Tendo em vista que possuem lâminas orientáveis, que podem ser abertas e direcionadas em diferentes ângulos. O grau de abertura das laminas pode ser regulado manualmente ou também mecanicamente se o sistema for motorizado.


Antes de qualquer coisa, ao se escolher um pergolado é crucial fazer os seguintes questionamentos:

  1. Para que exatamente você quer um?

  2. Qual a sua localização?

  3. Qual o seu tamanho ?

  4. Qual o seu material?

  5. Qual o seu orçamento?

Pois, os três primeiros questionamentos são importantes para decidir o material que será utilizado. Já que dependendo da função ele pode exigir vãos grandes ou pequenos, conforme a localização, o peso e a resistência da pérgola são de grande influência na escolha.


Ainda, é importante conhecer a trajetória solar onde será instalado, para verificar se a sua cobertura será eficiente. Todas estas informações, ajudarão na escolha de um sistema (fixo, móvel, coberto, descoberto,...) ou outro e também do seu material (alvenaria, bambu, metal,...). E se você tiver dúvida, não hesite em pedir ajuda à um profissional que vai saber auxiliar na sua escolha.


E a parte mais esperada do post de hoje: um detalhe de um pergolado metálico, que mostra a fixação do vidro na estrutura do pergolado e também da estrutura na alvenaria.

Pergolado metálico

Pergolado metálico

Gabriela Bertoli - CLARE

Mande suas dúvidas e assuntos de interesse para contato@clarearquitetura.com , ficaremos felizes e tentaremos ajudar o mais rápido possível.



0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page